AJUDA AO RS

Entidades do agronegócio fazem campanhas para ajudar o povo gaúcho. Saiba como participar!

Economia

Ministério do Desenvolvimento Agrário estuda nova linha no Mais Alimentos

Ideia é trazer uma diferenciação com foco em agricultores familiares do Nordeste

2 minutos de leitura

07/02/2024 | 14:48

Por: Daumildo Júnior | daumildo.junior@estadao.com

Área de hortaliças sendo irrigada
Pedido foi apresentado pela CONTAG ao MDA. Foto: Adobe Stock

O MDA (Ministério do Desenvolvimento Agrário e Agricultura Familiar) estuda a inclusão de uma nova linha de crédito dentro do programa Mais Alimentos. Em entrevista ao Agro Estadão, a secretária-executiva do ministério, Fernanda Machiaveli, disse que a proposta irá beneficiar a aquisição de tratores menores com foco na região Nordeste.

“Hoje o Mais Alimentos financia tratores de até 70 cavalos, mas esses tratores são para uma agricultura [familiar] mais estruturada, muito importante na região Sul do país. Para a região Nordeste, a demanda são tratores menores, tratores de até 30 cavalos. E a gente pode fazer financiamentos diferenciados para esses maquinários menores”.

Fernanda Machiaveli, secretária-executiva do MDA

As possíveis taxas de juros, prazos e limites financiáveis não foram detalhados pela secretária. 

A medida foi cobrada pela CONTAG (Confederação Nacional dos Trabalhadores Rurais Agricultores e Agricultoras Familiares). Também ao Agro Estadão, o presidente da entidade, Aristides Veras, defendeu mudanças no programa. 

“O Mais Alimentos acabou financiando aqueles agricultores familiares que já estavam com um grau de organização maior, que tinham propriedades um pouco maiores, que tinham solos um pouco mais adequados”, afirmou.

Recriado em 2023, o Mais Alimentos é uma linha de financiamento de maquinários e implementos agrícolas presente no Pronaf (Programa Nacional de Fortalecimento da Agricultura Familiar). As taxas de juros variam entre 4% e 6% de acordo com as modalidades, assim como os limites e prazos de pagamento.

Segundo o MDA, nos seis primeiros meses do Mais Alimentos, R$ 11,8 bilhões já foram contratados para 141 mil operações. Desse valor, cerca de R$ 7 bilhões foram para a compra de máquinas e equipamentos agrícolas, com expectativa de chegar a R$ 9 bilhões até o final da safra 2023/2024. 

Nova Indústria Brasil contará com crédito para o Mais Alimentos

Anunciado no final de janeiro, a política Nova Indústria Brasil reúne uma série de medidas e ações do governo federal para impulsionar a indústria nacional. A “Missão 1” tem o objetivo de promover a produção agroindustrial com projetos sustentáveis e que garantam a segurança alimentar, conforme apurou o Broadcast Agro

Só no Mais Alimentos, a estimativa é disponibilizar R$ 20 bilhões em crédito subsidiado nos próximos três planos safras da agricultura familiar. A meta é aumentar em 70% a tecnificação da agricultura familiar. Hoje apenas 18% das unidades de agricultura familiar têm acesso a tecnificação. A secretária-executiva do MDA destacou que a medida visa diminuir a distância entre as regiões. 

“Tem uma distribuição regional muito dispare. Enquanto que no Sul a gente tem 70% dos estabelecimentos com algum nível de tecnificação, no Nordeste são 2%. O nosso desafio é conseguir chegar na região Nordeste, que tem 54% dos agricultores familiares e ao mesmo tempo uma grande demanda por ampliação da tecnificação que ainda é mínima”, colocou Machiaveli.

Bom Dia Agro
X
Carregando...

Agora complete as informações para personalizar sua newsletter e recebê-la também em seu Whatsapp

Sua função
Tipo de cultura

Tudo certo. Estamos preparados para oferecer uma experiência ainda mais personalizada e relevante para você.

Fique atento ao seu e-mail e Whatsapp para atualizações. Estamos ansiosos para ser parte do seu dia a dia no campo!

Enviamos um e-mail de boas-vindas para você! Se não o encontrar na sua caixa de entrada, por favor, verifique a pasta de Spam (lixo eletrônico) e marque a mensagem como ‘Não é spam” para garantir que você receberá os próximos e-mails corretamente.

Mais lidas de Economia

1

Prorrogação de dívidas rurais em 2024: O que você precisa saber

Prorrogação de dívidas rurais em 2024: O que você precisa saber
2

Prejuízos no agronegócio do RS passam de R$ 2 bilhões, estima Confederação Nacional dos Municípios

Prejuízos no agronegócio do RS passam de R$ 2 bilhões, estima Confederação Nacional dos Municípios
3

Blairo Maggi: "2024 é um ano decisivo para a CPR"

Blairo Maggi: "2024 é um ano decisivo para a CPR"
4

Conheça os 10 tipos de feijão mais comum no Brasil

Conheça os 10 tipos de feijão mais comum no Brasil
5

Entidades de SC pedem suspensão de leilão para compra de arroz

Entidades de SC pedem suspensão de leilão para compra de arroz
6

RS envia primeira carga de laticínios para fora do estado

RS envia primeira carga de laticínios para fora do estado

Mapeamento completo das condições do clima para a sua região

Notícias relacionadas