AJUDA AO RS

Entidades do agronegócio fazem campanhas para ajudar o povo gaúcho. Saiba como participar!

Economia

RS emite novo alerta para raiva herbívora 

Segundo alerta acontece depois da confirmação de um foco de raiva herbívora em Chapecó, Santa Catarina

1 minuto de leitura

15/03/2024 | 10:41

Por: Da Redação

morcego vampiro que transmite raiva herbivora
Foto: Seapi (RS)

O Rio Grande do Sul emitiu mais um alerta sanitário para raiva herbívora para os municípios na divisa com Santa Catarina: Erval Grande, Itatiba do Sul, Barra do Rio Azul, Faxinalzinho, Nonoai e Rio dos Índios. O documento foi emitido pela Secretaria da Agricultura, Pecuária, Produção Sustentável e Irrigação (Seapi), após confirmação de um foco de raiva herbívora em Chapecó (SC).

Segundo o coordenador do Programa de Controle da Raiva Herbívora da Seapi, Wilson Hoffmeister, o alerta é uma espécie de prevenção para as cidades gaúchas e seus rebanhos de bovinos. “Nós trabalhamos constantemente todos os municípios daquela região. Por isso temos uma certa tranquilidade a respeito do lado de cá da fronteira entre os Estados. Porém, não sabemos se há refúgios de morcegos do lado de Santa Catarina. Por precaução, é melhor avisarmos e alertarmos o nosso produtor rural”, afirma em nota.

O controle preventivo da raiva se dá através da diminuição da população de morcegos hematófagos (que se alimentam exclusivamente de sangue) e a vacinação dos animais. Por isso, a orientação ao produtor rural é da necessidade de avisar sobre refúgios, especialmente nessa região, além da vacinação e revacinação maciça de todo o rebanho.

Além disso, a Seapi alerta que os produtores rurais não devem tentar capturar os morcegos por conta própria. A captura dos animais é feita por servidores dos Núcleos de Controle da Raiva do Estado, que são capacitados e vacinados contra a raiva. Essas equipes são acionadas sempre que houver laudo positivo para raiva em herbívoro ou se forem constatados altos índices de mordedura em animais de produção (como bovinos, equinos, ovinos e suínos) em determinada região.

Por isso, a orientação para os produtores é que, ao localizarem novos refúgios dos animais, comuniquem imediatamente às autoridades sanitárias. Os morcegos-vampiros costumam se esconder em troncos ocos de árvores, cavernas, fendas de rochas, furnas, túneis e casas abandonadas.

Confira o alerta sanitário abaixo:

alerta sanitario raiva herbivora

Bom Dia Agro
X
Carregando...

Agora complete as informações para personalizar sua newsletter e recebê-la também em seu Whatsapp

Sua função
Tipo de cultura

Tudo certo. Estamos preparados para oferecer uma experiência ainda mais personalizada e relevante para você.

Fique atento ao seu e-mail e Whatsapp para atualizações. Estamos ansiosos para ser parte do seu dia a dia no campo!

Enviamos um e-mail de boas-vindas para você! Se não o encontrar na sua caixa de entrada, por favor, verifique a pasta de Spam (lixo eletrônico) e marque a mensagem como ‘Não é spam” para garantir que você receberá os próximos e-mails corretamente.

Mais lidas de Economia

1

Prorrogação de dívidas rurais em 2024: O que você precisa saber

Prorrogação de dívidas rurais em 2024: O que você precisa saber
2

Prejuízos no agronegócio do RS passam de R$ 2 bilhões, estima Confederação Nacional dos Municípios

Prejuízos no agronegócio do RS passam de R$ 2 bilhões, estima Confederação Nacional dos Municípios
3

Blairo Maggi: "2024 é um ano decisivo para a CPR"

Blairo Maggi: "2024 é um ano decisivo para a CPR"
4

Conheça os 10 tipos de feijão mais comum no Brasil

Conheça os 10 tipos de feijão mais comum no Brasil
5

Entidades de SC pedem suspensão de leilão para compra de arroz

Entidades de SC pedem suspensão de leilão para compra de arroz
6

RS envia primeira carga de laticínios para fora do estado

RS envia primeira carga de laticínios para fora do estado

Mapeamento completo das condições do clima para a sua região

Notícias relacionadas