Summit Agro

Pimenta biquinho: benefícios e técnicas de cultivo

Saiba mais sobre essa pimenta tipicamente brasileira e como cultivá-la em casa

3 minutos de leitura

27/12/2022

A pimenta biquinho é uma variedade brasileira da família das Capsicum chinese, e seu teor de ardência na Escala de Scoville, usada para mostrar quais são as pimentas mais picantes, é zero. Até por isso ela é uma pimenta super bem aceita, afinal é aromática, não é ardente e ajuda a temperar e dar frescor aos pratos.

Tradicional em várias regiões do país, principalmente no Sudeste, a pimenta biquinho também é conhecida como pimenta de bico e pimenta-de-cheiro. A pimenteira pode alcançar até um metro de altura e seus frutos têm, em média, 3 centímetros de comprimento e 1,5 centímetro de largura.

A pimenta biquinho também pode ser cultivada em vasos. (Fonte: Pixabay/Reprodução)

Além de seu sabor agradável, que faz com que ela seja usada em pratos doces e salgados, e até em drinks, a pimenta biquinho traz diversos benefícios para a saúde. Ela possui vitaminas C, B6 e K1, e é rica em cálcio, ferro, magnésio, fósforo e sódio, além do betacaroteno. Com essas propriedades, a pimenta-de-cheiro é considerada um bom antioxidante, ajuda o sistema imunológico, ajuda a controlar o açúcar no sangue, a prevenir inflamações e a diminuir dores musculares.

A pimenta biquinho pode ser plantada em vasos, em jardins, em estufas e em plantações profissionais. Conheça algumas das características do plantio para que a pimenteira tenha boa produtividade.

Preparo e características do solo para a pimenta biquinho

A terra para a pimenta biquinho deve ser rica em matéria orgânica, portanto, a dica é misturar uma parte de terra com uma parte de composto orgânico para plantá-la. Os cultivos em áreas pequenas e hortas domésticas também podem se beneficiar de um toque de areia; nesses casos, o ideal são duas partes de terra, duas de composto orgânico e uma parte de areia.

Regas da pimenta biquinho

É importante que o solo seja regado sempre que estiver seco, porém, ele não deve ser encharcado, pois solos muito úmidos podem apodrecer a raiz e favorecer o aparecimento de pragas. Por isso é importante preparar um solo que permita boa drenagem, e o ideal é regar a planta pela manhã ou no fim da tarde.

Pimenta biquinho colhida e já madura. (Fonte: Embrapa/Reprodução)

Plantio da pimenta biquinho

Para o plantio em locais abertos, o ideal é um espaçamento de 0,8 metro a 1 metro entre as linhas, e de 0,5 metro a 0,6 metro entre as plantas. Para cultivo em estufas e outros ambientes protegidos, é importante manter duas linhas de plantio com espaçamento de 0,6 metro entre linhas e 0,5 metro entre plantas.

O plantio também pode ser realizado em jardins ou em vasos e, nesses casos, o ideal são vasos de pelo menos 5 litros, pois quanto maior o vaso, maior será o desenvolvimento e a frutificação. Já a pimenta biquinho plantada em canteiros, pode ultrapassar 1 metro de altura.

Outra dica importante é preferir lugares com pleno sol, mas, caso isso não seja possível, a planta pode ser cultivada a meia sombra. É preciso ficar atento ao surgimento de pragas relacionadas à umidade, como os ácaros.

Colheita da pimenta biquinho

Se tudo ocorrer bem com o cultivo, a pimenta biquinho começa a frutificar entre 3 meses a 4 meses depois do plantio. As pimenteiras fornecem colheitas múltiplas, mas após cada colheita é importante fazer uma nova adubação com matéria orgânica, como húmus ou esterco bovino.

Em questão de clima, a temperatura ideal para a pimenta biquinho é entre 18ºC a 35ºC. Nesses locais o plantio indicado é entre os meses de agosto a fevereiro. A planta também pode se desenvolver em regiões mais frias, mas demora mais para frutificar.

Fonte: Embrapa, Jardinet, Plantei, Senar Santa Catarina, Cozinha Técnica

Bom Dia Agro

Newsletter

X
Carregando...

Seu e-mail foi cadastrado!

Agora complete as informações para personalizar sua newsletter e recebê-la também em seu Whatsapp

Sua função
Tipo de cultura

Bem-vindo (a) ao Bom dia, Agro!

Tudo certo. Estamos preparados para oferecer uma experiência ainda mais personalizada e relevante para você.

Mantenha-se conectado!

Fique atento ao seu e-mail e Whatsapp para atualizações. Estamos ansiosos para ser parte do seu dia a dia no campo!

Enviamos um e-mail de boas-vindas para você! Se não o encontrar na sua caixa de entrada, por favor, verifique a pasta de Spam (lixo eletrônico) e marque a mensagem como ‘Não é spam” para garantir que você receberá os próximos e-mails corretamente.

Mais lidas de Summit Agro

Mapeamento completo das condições do clima para a sua região

Notícias relacionadas