AJUDA AO RS

Entidades do agronegócio fazem campanhas para ajudar o povo gaúcho. Saiba como participar!

Summit Agro

O que é equinocultura?

Saiba mais sobre o mercado da criação de cavalos no Brasil

3 minutos de leitura

12/01/2023 | 09:00

Equinocultura é o termo utilizado para definir a criação de cavalos que, apesar de bastante difundida no Brasil, ainda gera muita dúvida sobre os lucros e as demandas para produtores. Conheça um pouco mais sobre essa tradicional prática.

O termo, designado a criação de cavalos, é muitas vezes confundido com equideocultura, que é a criação de asininos (burros, asnos e jumentos) e da mistura destes com cavalos, o bardoto (cavalo com jumenta) e a mula (jumento com égua).

A criação de cavalos raramente tem objetivo alimentar, no geral, os animais são criados para a reprodução e venda. Os cavalos atendem uma série de demandas na vida rural, como a condução de rebanhos, mas também têm grande valor sentimental e de uso para fins recreativos.

Os cavalos foram introduzidos no Brasil no século XVI. (Fonte: Pexels/Reprodução)

Os cavalos são animais muito dóceis e, quando acostumados e treinados desde cedo, reconhecem os donos e atendem a estímulos em sua volta. São animais inteligentes e conhecidos pela sua interação com humanos, por isso, cada vez mais conquistam lugar como animais de “estimação”. Assim, empreendimentos residenciais com hípicas, ou estabelecimentos para a manutenção e prática equestre vem crescendo.

Equinocultura brasileira

Atualmente, segundo dados do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) estima-se que o Brasil tenha um rebanho equino de cerca de 5,5 milhões de cabeças, o quarto maior do mundo. O mercado movimenta cerca de R$ 16 bilhões anualmente e emprega aproximadamente 600 mil trabalhadores diretos e 3 milhões indiretos, de acordo com dados do Estudo do Complexo do Agronegócio Cavalo, realizado pela Escola Superior de Agricultura Luiz de Queiroz/Universidade de São Paulo (Esalq/SP).

Normalmente, associa-se a criação de cavalos às competições. Animais usados para essa finalidade podem ser extremamente valorizados de acordo com raça, linhagem e saúde. Porém, como mencionado, o crescimento da procura de animais e estabelecimentos para recreação tem se tornado uma boa pedida para produtores rurais.

Criar cavalos não é um negócio simples, já que o tamanho dos animais assusta e requer uma série de cuidados. Mas, quando bem planejada, a atividade pode se tornar bastante lucrativa.

Dicas para começar uma criação de cavalos

Cavalos adoram espaço e precisam se exercitar algumas horas por dia, por isso é fundamental que quem quer trabalhar com equinocultura tenha um amplo terreno disponível. Um bom estábulo é fundamental, um ambiente iluminado que ofereça a possibilidade de alimentar e hidratar o animal com boas condições de higiene faz a diferença na qualidade de vida e na saúde dos cavalos.

Um bom estábulo tem baias indicadas com 3 metros por 4 metros, ou 4 metros por 4 metros, e com um pé direito de pelo menos 2,80 metros de altura. O material indicado para a fabricação é a alvenaria, mas tradicionalmente também pode-se usar madeira, contanto que seja bem tratada, já que os cavalos podem mastigá-la e estragá-la com os coices.

Os cavalos necessitam de espaço e exercício. (Fonte: Pexels/Reprodução)

Os cochos e bebedouros devem ter de 0,90 metro a 1,1 metro de altura, e profundidade de 50 centímetros a 60 centímetros. Os cavalos têm o hábito de comer no nível do chão e visualizando o seu entorno. Outra dica importante é evitar o crescimento de ervas daninhas no terreno, esses animais mastigam de tudo e podem ficar doentes.

Outro elemento comum na criação de cavalos é o redondel, uma instalação circular que pode ou não ser coberta, e serve para a doma de jovens cavalos ou para exercício de cavalos em treinamento. O redondel pode ser feito em madeira ou ferro e é fundamental para produtores, é ali que os animais serão domesticados, aprenderão a obedecer comandos e se acostumarão com o contato humano, facilitando futuras negociações.

Para que o negócio seja rentável, é preciso tratar os processos de criação, treinamento, reprodução e venda com seriedade. Isso deve ser feito sempre com cuidado com os animais, garantindo a eles uma vida digna e de qualidade.

Fonte: KBB advocacia rural, Revista Horse, Animal Business, Premix

Bom Dia Agro
X
Carregando...

Agora complete as informações para personalizar sua newsletter e recebê-la também em seu Whatsapp

Sua função
Tipo de cultura

Tudo certo. Estamos preparados para oferecer uma experiência ainda mais personalizada e relevante para você.

Fique atento ao seu e-mail e Whatsapp para atualizações. Estamos ansiosos para ser parte do seu dia a dia no campo!

Enviamos um e-mail de boas-vindas para você! Se não o encontrar na sua caixa de entrada, por favor, verifique a pasta de Spam (lixo eletrônico) e marque a mensagem como ‘Não é spam” para garantir que você receberá os próximos e-mails corretamente.

Mais lidas de Summit Agro

Mapeamento completo das condições do clima para a sua região

Notícias relacionadas