AJUDA AO RS

Entidades do agronegócio fazem campanhas para ajudar o povo gaúcho. Saiba como participar!

Summit Agro

Galinha caipira: como ela se difere das outras?

Entenda a diferença entre a galinha caipira e o frango de granja no tamanho, na textura e no sabor da carne

2 minutos de leitura

16/02/2022 | 11:00

A Associação Brasileira de Proteína Animal (ABPA) registrou um recorde na produção de frango nacional em 2021. Foram 14,3 milhões de toneladas produzidas, o que significa 3,5% a mais em relação às 13,845 milhões de toneladas produzidas em 2020. Além disso, outro recorde foi quebrado: foram 4,6 milhões de toneladas exportadas, ou seja, 9% a mais do que em 2020. O principal destino do frango brasileiro exportado foi a China.

O mercado do frango brasileiro é bilionário. A ABPA estima que o setor movimentou US$ 7,66 bilhões em 2021, apresentando um aumento de 25,7% de faturamento em relação aos US$ 6,09 bilhões em 2020.

Apesar de todos os problemas que o setor enfrentou com a pandemia, como o aumento histórico dos preços do milho e da soja (que são o principal composto da ração dos frangos), a demanda cresceu nacionalmente. A associação divulgou que o consumo estimado do brasileiro foi de 46 kg por habitante por ano, aumento per capita de 1,5% em relação aos 45,27 quilos de 2020.

Normalmente a galinha caipira é menor, mas tem a carne mais saborosa. (Fonte: Pexels/Reprodução)

No auge da pandemia com a disparada dos preços da carne vermelha, a carne de frango e os suínos se tornaram a principal opção de proteína animal na mesa dos brasileiros.

Tipos de frango

Apesar da importância da proteína do frango no País, boa parte dos brasileiros desconhece a diferença entre o frango caipira (ou galinha caipira) e o frango de granja. O modo como cada tipo é criado causa diferenças na textura e no sabor da carne. Vamos saber mais!

Frango caipira

O termo “caipira” refere-se a qualquer frango criado “solto”, sem grande controle do seu crescimento e da sua alimentação. Por isso, insetos e minhocas fazem parte da dieta desses animais. Eles demoram mais para atingir o tamanho para abate, cerca de 80 a 90 dias. Apesar de ter menos carne, esta é considerada mais saborosa.

Galinha caipira é criada com mais liberdade. (Fonte: Pexels/Reprodução)

Frango de granja

O Frango de granja é criado em ambiente fechado, com temperatura e umidade controladas. Sua dieta é controlada pormenorizadamente e é pensada para que o animal cresça mais rapidamente. Por isso, esses animais são abatidos com idade entre 25 e 40 dias. Mesmo com esse tempo menor, os frangos de granja são maiores, tem mais carne e esta é mais macia.

Muito se fala sobre o uso de hormônios para a aceleração de crescimento de frangos em granja, mas essa prática foi abolida. Desde 2004, a legislação brasileira proíbe o uso de hormônios em animais. O controle é bem rigoroso, tanto pelos órgãos de fiscalização quanto pelo mercado de consumidores externos, que também proíbem a prática.

O crescimento acelerado se deve ao progresso genético, que permite aos produtores selecionarem animais de cortes nobres. Além disso, houve grande desenvolvimento nas pesquisas sobre alimentação e criação dos frangos.

Apesar dos cuidados, alguns frangos importados ainda podem utilizar a inserção de hormônios na criação. Por isso, é importante ler os rótulos e só comprar carne de empresas confiáveis.

Expectativa de 2022 para carne de frango

O bom desempenho da carne de frango deve continuar em 2022. A ABPA estima que o recorde deve ser quebrado novamente neste ano, a produção esperada, dessa vez, é de 14,7 milhões de toneladas.

Fonte: Hoje tem Frango, Caminho do Vinho, Avicultura Industrial, Poder 360, Summit Agro Estadão.

Bom Dia Agro
X
Carregando...

Agora complete as informações para personalizar sua newsletter e recebê-la também em seu Whatsapp

Sua função
Tipo de cultura

Tudo certo. Estamos preparados para oferecer uma experiência ainda mais personalizada e relevante para você.

Fique atento ao seu e-mail e Whatsapp para atualizações. Estamos ansiosos para ser parte do seu dia a dia no campo!

Enviamos um e-mail de boas-vindas para você! Se não o encontrar na sua caixa de entrada, por favor, verifique a pasta de Spam (lixo eletrônico) e marque a mensagem como ‘Não é spam” para garantir que você receberá os próximos e-mails corretamente.

Mais lidas de Summit Agro

Mapeamento completo das condições do clima para a sua região

Notícias relacionadas