AJUDA AO RS

Entidades do agronegócio fazem campanhas para ajudar o povo gaúcho. Saiba como participar!

Summit Agro

Como são o clima e a vegetação na floresta amazônica?

A Amazônia atua como regulador climático e tem papel crucial para o agronegócio brasileiro

3 minutos de leitura

10/07/2023 | 10:00

A floresta amazônica desempenha um papel crucial para o planeta. Ela atua como um importante regulador climático, absorvendo grandes quantidades de dióxido de carbono e produzindo oxigênio. O bioma desempenha um papel fundamental no ciclo hidrológico da região, ajudando a manter o equilíbrio dos rios e contribuindo para a formação de chuvas.

A região amazônica também é de grande importância econômica, fornecendo recursos naturais valiosos, como madeira, produtos medicinais, cultivo de frutas, óleos vegetais e borracha. No entanto, a exploração não sustentável, o desmatamento e as atividades agrícolas intensivas representam ameaças significativas à floresta e à sua biodiversidade.

A Amazônia ocupa 6,7 milhões de quilômetros quadrados, em oito países, estando presente na maior parte no Brasil, onde abrange 9 Estados. O bioma abriga quase 40 milhões de pessoas em território brasileiro, além de 38 milhões de espécies animais.

Como é o clima na Amazônia?

Mesmo durante a estação seca podem acontecer chuvas fortes na Amazônia. (Fonte: Getty Images/Reprodução)

O clima na Amazônia é caracterizado como equatorial úmido e subúmido. Apresenta temperaturas médias anuais entre 22°C e 28°C, com pouca variação ao longo do ano. As estações do ano não são tão distintas como em outras regiões, havendo apenas duas épocas bem definidas: a seca e a chuvosa.

Durante a estação chuvosa, que ocorre entre dezembro e maio, há intensas precipitações pluviométricas, com médias anuais variando de 1,4 mil milímetros a 3,5 mil milímetros. Nesse período, os rios transbordam e há muitas áreas alagadas, e a umidade relativa do ar é alta, geralmente acima de 80%.

Na estação seca, que vai de junho a novembro, ocorre uma diminuição significativa das chuvas, mas ainda pode haver algumas precipitações. Nesse período, os rios diminuem seu volume de água e algumas áreas podem ficar mais secas. A umidade relativa do ar tende a ser um pouco menor, cerca de 70%.

Rios voadores e o clima para o agronegócio

Umidade do Oceano Atlântico é carregada pelo clima da floresta amazônica até as principais regiões produtoras do agronegócio no Brasil. (Fonte: Getty Images/Reprodução)

Os “rios voadores” são correntes de ar atmosféricas, carregadas de vapor de água, que se formam sobre a floresta amazônica e são impulsionadas pelos ventos. Essas correntes transportam a umidade da bacia amazônica para outras regiões do Brasil, como Centro-Oeste, Sudeste e Sul.

A floresta amazônica desempenha um papel crucial nesse fenômeno. Ela atua como uma “bomba-d’água”, puxando a umidade evaporada do Oceano Atlântico e transportada pelos ventos alísios em direção ao continente. À medida que essa umidade se move terra adentro, ela cai como chuva sobre a floresta.

Por meio da evapotranspiração das árvores sob o sol tropical, a floresta devolve a água da chuva para a atmosfera na forma de vapor de água. Assim, o ar é constantemente reabastecido com mais umidade, que continua sendo levada para o oeste, causando chuvas mais adiante até topar com a Cordilheira dos Andes.

Parte da umidade precipita nas encostas, formando as cabeceiras dos rios amazônicos. Outra parte, impedida pelo paredão de 4 mil metros de altura, faz uma curva e carrega o vapor de água em formato de rio voador para o sul, em direção às regiões do Centro-Oeste, Sudeste e Sul do Brasil, além de países vizinhos.

Como é a vegetação na Amazônia?

A flora amazônica é extremamente diversificada, com uma vasta gama de espécies de árvores, plantas, lianas, epífitas e arbustos. Estima-se que existam mais de 30 mil espécies de plantas na região, incluindo árvores icônicas como a seringueira, a castanheira, o mogno e a sumaúma, além de muitas espécies de palmeiras, bromélias, orquídeas e helicônias.

Além da floresta tropical, existem outros tipos de vegetação na Amazônia, como as áreas de savana, conhecidas como “cerrados”, que apresentam árvores espaçadas e vegetação herbácea. Também há áreas alagadas, como as várzeas e os igapós, que apresentam uma vegetação adaptada às condições de inundação sazonal.

Fontes: Mundo Educação, Brasil Escola, Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária (Embrapa), ISPN

Bom Dia Agro
X
Carregando...

Agora complete as informações para personalizar sua newsletter e recebê-la também em seu Whatsapp

Sua função
Tipo de cultura

Tudo certo. Estamos preparados para oferecer uma experiência ainda mais personalizada e relevante para você.

Fique atento ao seu e-mail e Whatsapp para atualizações. Estamos ansiosos para ser parte do seu dia a dia no campo!

Enviamos um e-mail de boas-vindas para você! Se não o encontrar na sua caixa de entrada, por favor, verifique a pasta de Spam (lixo eletrônico) e marque a mensagem como ‘Não é spam” para garantir que você receberá os próximos e-mails corretamente.

Mais lidas de Summit Agro

Mapeamento completo das condições do clima para a sua região

Notícias relacionadas