Oferecimento:

Patrocinador
AJUDA AO RS

Entidades do agronegócio fazem campanhas para ajudar o povo gaúcho. Saiba como participar!

AGRISHOW 2024

New Holland lança na Agrishow o primeiro trator comercial 100% elétrico do mundo

Novidade deve chegar ao mercado norte-americano no início de 2025; no Brasil, ainda não há previsão, já que depende de boa conectividade nas propriedades rurais

3 minutos de leitura

01/05/2024

Por: Igor Savenhago

trator eletrico new holland
Foto: Igor Savenhago

A New Holland, empresa do grupo global CNH, lançou na Agrishow 2024, em Ribeirão Preto (SP), o primeiro trator 100% elétrico comercial do mundo. A novidade foi anunciada durante coletiva de imprensa realizada nesta quarta-feira (1º) no estande da marca. O modelo integra a estratégia da New Holland de se tornar líder mundial em energia limpa. Em 2018, a empresa já havia lançado o primeiro trator do planeta movido a biometano, que começou a ser vendido no Brasil no ano passado. 

O trator elétrico deve entrar no mercado norte-americano a partir do início de 2025. No Brasil, ainda não há previsão, já que depende de alguns fatores importantes, como melhorias na conectividade das propriedades rurais. O especialista em marketing tático, Juliano Perelli, explica que o veículo foi projetado para trabalhar conectado em tempo integral. “Estamos trabalhando para que o modelo chegue ao Brasil o mais rápido possível”, revela ao Agro Estadão. 

Com 75 cv de potência, da série T4, a máquina é movida com três baterias, que geram um total de 100 Kwh, suficientes para operar durante seis a oito horas ininterruptas. Ele tem, ainda, nove câmeras acopladas, que permitem gravações para avaliação de possíveis falhas nas lavouras. Três dessas câmeras são frontais e capazes de escanear o corpo das pessoas. Caso o operador precise descer para fazer um trabalho manual em série, o trator o reconhece e o segue sozinho. E se uma pessoa diferente da que foi escaneada, um animal ou objeto atravessarem na frente, ele para automaticamente. 

Drones

A New Holland também anunciou a entrada no mercado nacional de drones de pulverização. A partir de outubro, a previsão é que passe a oferecer dois modelos: um de 30 litros e outro de 70 – este o maior do país em capacidade de carga. Os exemplares existentes no mercado atingem até 50 litros.

Iago Oliveira, especialista em novos negócios da marca, conta ao Agro Estadão que, além da disseminação de líquidos, o equipamento é preparado para trabalhar com sólidos – sementes e fertilizantes. A tecnologia funciona a bateria.

drone para pulverizacao new holland
Foto: Igor Savenhago

Com 2,8 metros de diâmetro, ele tem bicos rotativos embaixo de cada uma das quatro hélices, o que possibilita, segundo Oliveira, uniformidade de aplicação e maior qualidade da gota de pulverizador, processo ajudado pelas próprias hélices, que agitam a plantação e dão maior poder de penetração ao produto. 

Ainda nesse ramo, o pulverizador Guardian SP310F, que também está sendo lançado na feira, foi o vencedor do Prêmio Machine Of The Year (Máquina do Ano) 2024/25, anunciado nesta terça-feira (30) na Agrishow. A escolha é feita por uma comissão de pesquisadores de todo o país, que avaliam questões técnicas e científicas, como desempenho, sustentabilidade e capacidade de promover transformações industriais e sociais. 

Mercado brasileiro

O Brasil é o país que mais vende máquinas New Holland: 10% dos tratores e 30% das colheitadeiras da empresa são compradas por agricultores daqui. Segundo Eduardo Kerbauy, vice-presidente da New Holland para a América Latina, a expectativa para os próximos anos é ampliar a participação.

Apesar da queda do mercado de tratores e colheitadeiras no Brasil em 2023, de cerca de 10% a 15% em relação a 2022, e de nova retração prevista para este ano, a empresa aposta nas boas perspectivas a médio prazo. Até 2030, a produção brasileira total de grãos, principal segmento de atuação da New Holland, deve chegar a 475 milhões de toneladas – contra 257 milhões em 2020/21.

“Um a cada quatro tratores vendidos no Brasil já é New Holland, bem como uma a cada três colheitadeiras. É o maior produtor de alimentos do mundo e, por isso, acreditamos que o mercado vai seguir apresentando números bem interessantes”, afirma Kerbauy.

Bom Dia Agro
X
Carregando...

Agora complete as informações para personalizar sua newsletter e recebê-la também em seu Whatsapp

Sua função
Tipo de cultura

Tudo certo. Estamos preparados para oferecer uma experiência ainda mais personalizada e relevante para você.

Fique atento ao seu e-mail e Whatsapp para atualizações. Estamos ansiosos para ser parte do seu dia a dia no campo!

Enviamos um e-mail de boas-vindas para você! Se não o encontrar na sua caixa de entrada, por favor, verifique a pasta de Spam (lixo eletrônico) e marque a mensagem como ‘Não é spam” para garantir que você receberá os próximos e-mails corretamente.

Mais lidas de AGRISHOW 2024

1

Agrishow 2024 tem recorde de empresas inscritas e expectativa de repetir R$ 13,2 bilhões em negócios

Agrishow 2024 tem recorde de empresas inscritas e expectativa de repetir R$ 13,2 bilhões em negócios
2

New Holland lança na Agrishow o primeiro trator comercial 100% elétrico do mundo

New Holland lança na Agrishow o primeiro trator comercial 100% elétrico do mundo
3

Morre vítima de acidente envolvendo helicóptero na Agrishow

Morre vítima de acidente envolvendo helicóptero na Agrishow
4

A Agrishow dos pequenos e médios produtores

A Agrishow dos pequenos e médios produtores
5

Agrishow 2024: passeio, negócios e amor

Agrishow 2024: passeio, negócios e amor
6

Agronegócio de São Paulo vai receber R$ 1,4 bi em investimentos

Agronegócio de São Paulo vai receber R$ 1,4 bi em investimentos

Mapeamento completo das condições do clima para a sua região

Notícias relacionadas