AJUDA AO RS

Entidades do agronegócio fazem campanhas para ajudar o povo gaúcho. Saiba como participar!

Summit Agro

Cebola: conheça as melhores práticas e dicas para o cultivo

Essa planta exige cultivo em um solo profundo, rico em matéria orgânica, com boa capacidade de retenção de água e que receba muita luz solar

2 minutos de leitura

22/07/2020 | 19:13

A cebola é um dos principais ingredientes da culinária brasileira. Muitas receitas levam esse item em seu preparo, seja na forma de tempero ou como um dos elementos principais do prato. No começo de julho, São Paulo deu início a safra com boa qualidade, fechando com cotações médias de R$ 2,71/kg em Monte Alto e R$ 2,73/kg em São José do Rio Pardo.

A produtividade da lavoura de cebola pode aumentar significativamente com medidas simples. Ao preparar adequadamente o solo e escolher de forma correta o local definitivo de plantio, a hortaliça pode se desenvolver com mais qualidade. Além disso, há um momento certo para realizar a colheita e de ter cuidado com alguns tipos de praga.

Escolhendo e preparando o solo

A cebola se desenvolve melhor em solos profundos e que sejam ricos em matéria orgânica, pois esses componentes contribuem para o crescimento dos bulbos abaixo da terra. O nitrogênio é o nutriente mais importante para o desenvolvimento da hortaliça, porém a adubação nitrogenada deve variar de acordo com o teor de matéria orgânica presente no local de cultura.

Além disso, o ideal é que a superfície também tenha uma boa capacidade de retenção de água. Portanto, deve-se evitar terrenos muito arenosos onde a umidade não consegue permanecer por muito tempo. Também é recomendado que o solo seja “leve”. Se ele for “pesado”, ou seja, muito argiloso, os bulbos podem ter dificuldade para se desenvolver e crescer (podendo ficar deformados). Uma terra de textura média e bem drenada é a mais indicada por oferecer as condições físicas necessárias para uma produção eficiente.

Além disso, é muito importante que o local de plantio receba luz solar diariamente. Pelo menos 12 horas são necessárias para que o bulbo da cebola consiga se desenvolver com qualidade. A hortaliça até é resistente ao frio, mas é nas temperaturas amenas, entre 20°C e 25°C, que a planta consegue atingir a maturação com maior velocidade.

Iniciando o plantio

Há basicamente dois métodos para o plantio da cebola. Estes são:

Semeadura direta

Mais destinado ao plantio em escala comercial, nesse método ocorre a distribuição das sementes no local de plantio definitivo. O processo é realizado em única etapa e costuma levar mais tempo para a colheita.

Transplante de mudas

Nesse método, a semente da cebola é cultivada em canteiros ou recipientes próprios para a produção. Quando as mudas estiverem com duas ou três folhas, elas devem ser transportadas para o local definitivo de plantio. Esse é o modo preferível para o cultivo doméstico.

Cuidados e colheita

A cebola é uma planta relativamente resistente. Ela não deve sofrer com o ataque de insetos, ácaros e outras pragas. No entanto, as larvas de tripes (uma espécie de inseto) podem representar um grande problema e por isso recomenda-se o acompanhamento constante de todas as etapas da produção, desde o cultivo e transporte até a armazenagem.

Os bulbos estarão prontos para colheita quando a região do pseudocaule – conhecida como pescoço – estiver amolecida. Nesse momento, acontece o tombamento da parte aérea da planta sobre o solo, processo que é chamado de estalo. Esse é o momento ideal para a colheita.

Fonte: Embrapa e Associação Brasileira de Horticultura (ABH).

Bom Dia Agro
X
Carregando...

Agora complete as informações para personalizar sua newsletter e recebê-la também em seu Whatsapp

Sua função
Tipo de cultura

Tudo certo. Estamos preparados para oferecer uma experiência ainda mais personalizada e relevante para você.

Fique atento ao seu e-mail e Whatsapp para atualizações. Estamos ansiosos para ser parte do seu dia a dia no campo!

Enviamos um e-mail de boas-vindas para você! Se não o encontrar na sua caixa de entrada, por favor, verifique a pasta de Spam (lixo eletrônico) e marque a mensagem como ‘Não é spam” para garantir que você receberá os próximos e-mails corretamente.

Mais lidas de Summit Agro

Mapeamento completo das condições do clima para a sua região

Notícias relacionadas