AJUDA AO RS

Entidades do agronegócio fazem campanhas para ajudar o povo gaúcho. Saiba como participar!

Economia

Exportações para o Egito: Brasil oficializa “pre-listing” para carnes

No Egito, presidente Lula assina acordo para ampliar exportações; 30 estabelecimentos estavam na fila desde 2019

3 minutos de leitura

15/02/2024 | 17:27

Por: Fernanda Farias | fernanda.farias@estadao.com

presidente do Brasil aperta mão do presidente do Egito
Presidente do Brasil Luiz Inácio Lula da Silva assina acordo com presidente do Egito Abdel Fatah El-Sini. Foto: Ricardo Stuckert/PR

Um dos primeiros atos assinados pelo presidente Luiz Inácio Lula da Silva durante a viagem ao Egito foi o Protocolo de Equivalência dos Sistemas de Inspeção de Carnes. O acordo de “pre-listing”  promete facilitar as exportações de carnes bovinas, suínas e de aves do Brasil para o Egito. A principal vantagem é que qualquer estabelecimento brasileiro que se enquadre nas regras sanitárias do Egito está apto a exportar. 

Com o “pre-listing” não é mais necessário que autoridades egípcias visitem as unidades brasileiras para realização de auditorias antes da aprovação ou renovação de licenças. O Egito concedeu ao Ministério da Agricultura e Pecuária do Brasil a autorização para habilitar e renovar os estabelecimentos.

A oficialização do acordo aconteceu nesta quinta-feira, 15, mas as negociações iniciaram há mais de um ano. Representantes dos Ministérios da Agricultura e de Relações Exteriores, além de integrantes da Associação Brasileira de Proteína Animal (ABPA), viajaram duas vezes ao Egito em 2023 para discutir as relações comerciais entre os dois países.

Setor de aves comemora conquista com pre-listing

O diretor de mercados da ABPA, Luis Rua, disse ao Agro Estadão que a principal vantagem do acordo é a previsibilidade. “As licenças precisavam de renovação a cada três meses, e isso gerava insegurança nos estabelecimentos para firmarem contratos a longo prazo. Não podemos dizer exatamente o quanto as exportações podem crescer, mas o potencial é enorme porque o Brasil tem capacidade de atender de forma imediata quando for demandado”, explica Rua. 

Além disso, Rua destaca que no fim do ano passado, o Egito zerou a taxa de importação de carnes de aves e outros produtos brasileiros, que antes era fixada em 30%. A decisão foi tomada logo após viagem da comitiva brasileira à África. 

Historicamente, o Egito é um dos 20 maiores compradores de carne de aves do Brasil, e em alguns anos, fica entre os dez principais mercados. Em 2023, foram comercializadas 60 mil toneladas de carnes de aves para o Egito – sendo 95% de frango inteiro, segundo a ABPA. Em volume, as negociações geraram US$122,5 milhões em receitas. 

O Egito também é um importante comprador de carnes bovina e suína brasileiras e no ano passado abriu o mercado para o algodão produzido no Brasil.

Reconhecimento do controle sanitário brasileiro

Em nota, o secretário de relações internacionais do Ministério da Agricultura disse que o pre-listing onerava as operações com visitas presenciais das autoridades egípcias e limitava o número de unidades aptas para exportar ao país africano. 

“O pré-listing reflete o alto grau de confiança no controle sanitário brasileiro, especialmente no Serviço de Inspeção Federal (SIF), cuja excelência é reconhecida por mais de 150 países importadores. O Egito, um dos seis maiores importadores mundiais de carne bovina do Brasil, e líder na importação de carne de aves do nosso País, demonstra a força e o potencial de crescimento das relações comerciais estabelecidas”, afirmou Roberto Perosa.

Desde 2019, 30 frigoríficos de carnes bovina, de aves e suína esperavam na fila para conseguir a habilitação do governo egípcio. Essas unidades serão imediatamente beneficiadas com o pre-listing, e poderão exportar quando houver demanda do Egito.

Viagem presidencial ao Egito e Etiópia

O presidente Luiz Inácio Lula da Silva está no Egito, cumprindo agenda oficial nesta quinta-feira, 15. Ontem, 14, ele visitou a Esfinge e as pirâmides de Gizé com a primeira-dama Janja da Silva. Esta é a primeira viagem internacional deste ano e tem o objetivo principal de discutir a situação da guerra entre Palestina e Israel. Em coletiva para a imprensa, Lula defendeu o cessar fogo. 

A comitiva do governo brasileiro também estará na capital da Etiópia, Adis Adeba. O presidente irá participar como convidado da Cúpula de Estado e Governo da União Africana, nos dias 16 e 17. Esta é a segunda viagem oficial do presidente à África no seu terceiro mandato. Em agosto do ano passado, Lula esteve na África do Sul, Angola e São Tomé e Príncipe.

Bom Dia Agro
X
Carregando...

Agora complete as informações para personalizar sua newsletter e recebê-la também em seu Whatsapp

Sua função
Tipo de cultura

Tudo certo. Estamos preparados para oferecer uma experiência ainda mais personalizada e relevante para você.

Fique atento ao seu e-mail e Whatsapp para atualizações. Estamos ansiosos para ser parte do seu dia a dia no campo!

Enviamos um e-mail de boas-vindas para você! Se não o encontrar na sua caixa de entrada, por favor, verifique a pasta de Spam (lixo eletrônico) e marque a mensagem como ‘Não é spam” para garantir que você receberá os próximos e-mails corretamente.

Mais lidas de Economia

1

Prorrogação de dívidas rurais em 2024: O que você precisa saber

Prorrogação de dívidas rurais em 2024: O que você precisa saber
2

Prejuízos no agronegócio do RS passam de R$ 2 bilhões, estima Confederação Nacional dos Municípios

Prejuízos no agronegócio do RS passam de R$ 2 bilhões, estima Confederação Nacional dos Municípios
3

Blairo Maggi: "2024 é um ano decisivo para a CPR"

Blairo Maggi: "2024 é um ano decisivo para a CPR"
4

Conheça os 10 tipos de feijão mais comum no Brasil

Conheça os 10 tipos de feijão mais comum no Brasil
5

Entidades de SC pedem suspensão de leilão para compra de arroz

Entidades de SC pedem suspensão de leilão para compra de arroz
6

RS envia primeira carga de laticínios para fora do estado

RS envia primeira carga de laticínios para fora do estado

Mapeamento completo das condições do clima para a sua região

Notícias relacionadas